Porto Iracema das Artes recebe ações da 32ª Bienal de São Paulo


Itinerâncias da Bienal percorrerão 12 cidades brasileiras, além de Bogotá, na Colômbia, e Porto, em Portugal. Na capital cearense, evento acontece no Dragão do Mar.

O Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura recebe, de 7 de novembro de 2017 a 28 de janeiro de 2018, a mostra itinerante da 32ª Bienal de São Paulo – INCERTEZA VIVA. A ação é uma parceria do Instituto Dragão do Mar e da Fundação Bienal de São Paulo. Durante 82 dias, a mostra receberá obras de 15 artistas e coletivos participantes da última Bienal de São Paulo, que aconteceu em 2016. Integrando a programação do evento, a escola Porto Iracema das Artes receberá três ações da mostra: a palestra Incerteza Viva: Conceitos e Artistas, no dia 6 de novembro, e os laboratórios Narrativas que constroem mundos, no dia 7, e Processos criativos em educação, no dia 8. Toda a programação da mostra é gratuita.

Intitulada INCERTEZA VIVA, a 32ª Bienal tem como objetivo refletir sobre as atuais condições da vida em tempos de mudança contínua e sobre as estratégias oferecidas pela arte contemporânea para acolher ou habitar incertezas. A exposição se propõe a traçar pensamentos cosmológicos, inteligência ambiental e coletiva, assim como ecologias naturais e sistêmicas. A mostra foi concebida em torno das obras de 81 artistas e coletivos sob curadoria do alemão Jochen Volz e dos cocuradores Gabi Ngcobo (África do Sul), Júlia Rebouças (Brasil), Lars Bang Larsen (Dinamarca) e Sofía Olascoaga (México).

No dia 6 de novembro, a produtora de conteúdo do Programa Educativo da Fundação Bienal de São Paulo, Regiane Ishii, realiza a palestra Incerteza Viva: Conceitos e Artistas, das 19h às 20h30. Ela fará uma breve apresentação da história da Fundação Bienal de São Paulo e do processo de desenvolvimento e dos conceitos da 32ª Bienal. Também serão abordadas as pesquisas de artistas que integram a itinerância em Fortaleza.

Já no dia 7, das 14h às 17h, acontece o laboratório Narrativas que constroem mundos. O laboratório aborda obras de artistas da 32ª Bienal, como Grada Kilomba e o projeto Vídeo nas Aldeias, que investigam políticas da diferença e a ampliação dos horizontes de representação. Serão debatidos aspectos como a relação entre narrativas pessoais e a multiplicidade de existências possíveis.
E encerrando a participação do Porto Iracema na mostra, na quarta-feira (8), das 10h às 13h, acontece o segundo laboratório, com tema Processos criativos em educação. A atividade se propõe a aproximar processos criativos de artistas e de professores, relacionando ações educativas e obras da 32ª Bienal. Por meio de metodologias colaborativas, baseadas na publicação educativa, novas proposições serão elaboradas e discutidas em grupos.

As três atividades acontecerão no Auditório do Porto e são gratuitas. Inscrições em: goo.gl/forms/WYOvuwJcEP9eblrf1

32ª BIENAL DE SÃO PAULO NO DRAGÃO DO MAR
Em 2017, o programa de mostras itinerantes circula com seleções de obras da 32ª Bienal pelas cidades de Campinas (SP), Belo Horizonte (MG), São José dos Campos (SP), Cuiabá (MT), São José do Rio Preto (SP), Ribeirão Preto (SP), Garanhuns (PE), Palmas (TO), Santos (SP), Itajaí (SC), Fortaleza (CE) e Vitória (ES). No âmbito internacional, o circuito passa por Bogotá (Colômbia) e Porto (Portugal).

No Dragão do Mar, a mostra acontecerá no Museu de Arte Contemporânea do Ceará (MAC-CE), com um recorte de 15 artistas e coletivos. Com abertura no dia 7 de novembro, às 18h, a exposição apresenta obras de Antonio Malta Campos (Brasil), Bárbara Wagner (Brasil), Charlotte Johannesson (Suécia), Felipe Mujica (Chile), Gilvan Samico (Brasil), Güneş Terkol (Turquia), Grada Kilomba (Portugal), Jonathas de Andrade (Brasil), Michal Helfman (Israel), Misheck Masamvu (Zimbábue), Mmakgabo Helen Sebidi (África do Sul), Pierre Huyghe (França), Rachel Rose (EUA), Vídeo nas Aldeias (Brasil) e Wilma Martins (Brasil).

Confira mais informações sobre a mostra no Dragão AQUI.

 

SERVIÇO
O que: Palestra Incerteza Viva: Conceitos e Artistas, com Regiane Ishii, produtora de conteúdo do Programa Educativo da Fundação Bienal de São Paulo
Onde: Auditório do Porto Iracema das Artes (R. Dragão do Mar, 160 – Praia de Iracema)
Quando: 6 de novembro, 19h às 20h30
GRATUITO E ABERTO AO PÚBLICO

O que: Laboratório Narrativas que constroem mundos
Onde: Auditório do Porto Iracema
Quando: 7 de novembro, 14h às 17h
Inscrições: AQUI 

O que: Laboratório Processos criativos em educação
Onde: Auditório do Porto Iracema
Quando: 8 de novembro, 10h às 13h
Inscrições: AQUI 
GRATUITO