Porto Iracema das Artes abre inscrições para oficina de escrita ensaística com escritor Joca Reiners Terron

Foto: Renato Parada

Com tema “Viagem ao redor do meu banheiro”, a quarta edição do projeto Fábulas de Janeiro convida todos aqueles que gostam de ler e escrever a criar a partir

Parte de uma série de programas formativos do Porto Iracema das Artes com foco nas narrativas em diversas linguagens – literatura, cinema, teatro – e nas possibilidades de cruzamento entre elas, nos próximos dias 20 a 24 a Escola realiza a oficina de escrita ensaística “Viagem ao redor do meu banheiro”, com o escritor Joca Reiners Terron, na quarta edição do projeto Fábulas de Janeiro. A formação, gratuita, ocorrerá de 18h30min às 21h30min.

Serão ofertadas 25 vagas e as inscrições podem ser feitas entre os dias 9 a 15 de janeiro de 2020 AQUI. Com carga horária de 15 horas/aula, a oficina é voltada para todos aqueles que gostam de ler, escrever e tenham mais de 16 anos de idade. A divulgação dos selecionados será feita no dia 17 de janeiro.

O projeto Fábulas de Janeiro iniciou em 2016 e trabalhou diferentes temas a cada edição. Em 2017, o mote da oficina foi “Literatura Liberdade” e, no ano passado, “O infraordinário”. Este ano, o escritor Joca Terron propõe um exercício de escrita instigado pelo tempo de caos climático do planeta, que “parece estar prestes a se soltar de seu eixo”, e vai em busca de uma ordem, um refúgio interior, que pode estar no espaço mais íntimo do leitor.

Poeta e romancista, Terron é um dos nomes de maior destaque da literatura contemporânea brasileira. Recebeu o Prêmio Machado de Assis da Biblioteca Nacional, em 2010, por “Noite dentro da noite” (Companhia das Letras) e publicou sua obra mais recente no ano passado, o livro “A morte e o meteoro” (Todavia).

Confira, abaixo, a ementa da oficina.

Fábulas de Janeiro IV: Viagem ao redor de meu banheiro – oficina de escrita ensaística com Joca Reiners Terron

O MUNDO está cada vez mais quente. Notícias de todas as partes relatam tragédias. O aquecimento global derrete calotas polares, elevando o nível dos oceanos. Tsunamis rondam nossas imaginações. A velocidade das coisas nunca pareceu tão vertiginosa. O planeta parece estar prestes a se soltar de seu eixo, transformando-se em uma nave sem rumo pelo universo.

Diante desse cenário de catástrofe, a intimidade e o silêncio ganham novos sentidos. O espaço interior nunca foi tão necessário, um abrigo da febre das ruas. Livros, discos e filmes se tornaram escudos contra a realidade, lugares onde podemos nos esconder de nós mesmos. De nossa insânia.

Assim, o banheiro é o refúgio ideal do leitor, o espaço de exploração da secreta possibilidade existente no minúsculo. De interrogar o habitual, no dizer de Georges Perec, “o que ocorre cada dia e volta cada dia”. O trivial, o ordinário, o infraordinário. Para dele retirar o assombro que havia deixado de nos surpreender, a própria matéria dos dias: a nossa vida.

Sobre Joca Reiners Terron

Joca Reiners Terron é escritor (Cuiabá, 1968). Publicou livros de poemas e narrativas, além dos romances “Não Há Nada Lá”, “A tristeza extraordinária do leopardo-das-neves”, “Do fundo do poço se vê a lua” e “Noite dentro da noite”, todos pela Companhia das Letras. Por este último, recebeu o Prêmio Machado de Assis da Biblioteca Nacional, em 2010. Traduziu obras de Enrique Vila-Matas, Richard Brautigan, Mario Levrero e Roberto Bolaño. Seu último livro é o romance “A morte e o meteoro” (Todavia, 2019), Colabora na Folha de S.Paulo desde 2004 e leciona na Pós Graduação em Formação de Escritores do Instituto Vera Cruz.

SERVIÇO

O que: Fábulas de Janeiro IV: “Viagem ao redor de meu banheiro” – Oficina de Escrita Ensaística com Joca Reiners Terron

Quando: 20 a 24 de janeiro, de 18h30min às 21h30min.

Onde: Porto Iracema das Artes (Rua Dragão do Mar, 160, Praia de Iracema)

Inscrições: 9 a 15 de janeiro de 2020. Formulário disponível AQUI.

25 vagas

Pré-requisitos: gostar de ler, escrever e ter a partir de 16 anos.

GRATUITO