MPB, rap, instrumental e outros estilos compõem as audições do Laboratório de Música 2020

A filmagem dos shows será disponibilizada nos próximos dias 9 e 10. As audições são a última etapa para seleção dos quatro projetos a serem desenvolvidos este ano

Terceira e última etapa para a seleção do Laboratório de Música do Porto Iracema das Artes, as Audições 2020 foram realizadas em um novo formato. Em virtude da pandemia de Covid-19, as apresentações tradicionais, realizadas no Teatro do Dragão do Mar, aconteceram entre os dias 1 e 5 deste mês sem acesso aberto ao público e seguindo todas as normas de segurança para saúde dos artistas e da equipe. As filmagens poderão ser conferidas nas próximas quarta e quinta-feira, dias 9 e 10 de setembro, através do Youtube e do Facebook da Escola, a partir das 19h.

Com uma amostra que apresenta a diversidade do cenário musical cearense, os trabalhos transitam entre o rap, MPB, instrumental, experimental e muitos outros estilos. As audições são o momento em que os artistas têm a oportunidade de apresentar seu trabalho para o público e para a comissão avaliadora, que selecionará os quatro projetos que integrarão a oitava edição do Laboratório. A comissão deste ano é formada pelos artistas Juçara Marçal, Juliano Holanda e Mônica Agena.

No total, 15 projetos subiram ao palco com diversas abordagens e temas, como as questões contemporâneas representadas por vozes negras, trans, feministas e periféricas, assim como canções de amor.  Saiba mais sobre cada projeto AQUI. Além de mostrar suas músicas aos avaliadores, durante esta etapa, artistas também passam por entrevista. O resultado final, pós-recurso, será divulgado no dia 25 de setembro.

Programação

A primeira parte dos shows será exibida no Youtube do Porto Iracema a partir das 19h do dia 9 de setembro, com os projetos “Fortalezas: trajeto de um mundo virá”, de Bruno Esteves; “Nascer Negro Novamente”, de Simone Santos Sousa; “Do dialeto ao dia lento”, de Leonardo Lima da Silva – BigLeo; “Filosofia inverso – O teatro da vida”, de Talita Luz; “NegraZúmbida”, de Roberta Kaya; “Doce de Flautas”, de Andrêssa Ponte; “Florescer”, de Gabriela Mendes Barros.

No dia seguinte, no mesmo horário, será a vez dos projetos  “Ave Eva – Meu corpo aprisionado querendo voar”, de Jocasto Britto; “Amarga”, de Moon Kenzo; “Carmen Camaleonte”, de Carmen Camaleonte; “Outragalera Original Fortal”, de Caiô; “Pulso”, de André Garan; “Felix Quarteto”, de Alisson Felix; “Vacilant investiga o tempo”, de Yuri Cavalcante Costa; “Viagens Sinfônicas em 50m²”, de Ítalo Cardoso de Oliveira.

Sobre os Laboratórios de Criação do Porto Iracema das Artes

São espaços de experimentação, pesquisa e desenvolvimento de projetos culturais em cinco linguagens: Artes Visuais, Cinema, Dança, Música e Teatro. O processo seletivo é dividido em três etapas: a primeira, uma análise de documentos, a segunda, uma avaliação técnica, e por fim, uma avaliação presencial com os selecionados nas etapas anteriores.

O Laboratório de Música é voltado para o desenvolvimento de projetos musicais contemplando os aspectos da composição, execução, interpretação, arranjo, performance e produção. As propostas são orientadas na perspectiva de criação e montagem de show com qualidades técnica e conceitual, capaz de seguir um circuito de apresentações públicas.

Sobre a Escola

O Porto Iracema das Artes é a escola de formação e criação em artes do Governo do Estado do Ceará, ligada à Secretaria da Cultura do Estado do Ceará, sob gestão do Instituto Dragão do Mar (IDM). Criada em 29 de agosto de 2013, há sete anos desenvolve processos formativos nas áreas de Música, Dança, Artes Visuais, Cinema e Teatro, com a oferta de Cursos Básicos e Técnicos, além de Laboratórios de Criação. Todas as ações oferecidas são gratuitas.

Serviço

O quê: “MPB, rap, instrumental e outros estilos compõem as audições do Laboratório de Música 2020”
Quando: 9 e 10 de setembro (quarta e quinta-feira), às 19h
Onde acessar: Canal do Youtube e Facebook da Escola Porto Iracema das Artes

Equipe da Assessoria de Comunicação Porto Iracema das Artes | Rafaela Leite
Publicado em 04/09/2020