Laboratório de Dança realiza oficina de Danças Africanas Ancestrais

Aulas serão conduzidas pelo artista Rubéns Lopes

Durante os dias 13, 14, 17 e 18, a Sala de Dança do Porto Dragão recebe a última atividade de formação do ano realizada pelo Laboratório de Dança do Porto Iracema das Artes. Com o tema “Danças Africanas Ancestrais”, a oficina será ministrada das 18h às 20h pelo professor e pesquisador em dança Rubéns Lopes. O objetivo é sensibilizar o participante para a dança ancestral através das referências folclóricas em dança da costa oeste da África. As 20 vagas disponíveis serão preenchidas por ordem de chegada no primeiro dia. A oficina é totalmente gratuita.

Nesta oficina, os participantes têm a oportunidade de experienciar a (re)conexão com a corporeidade ancestral e vivenciar algumas danças ancestrais que deram base para o que hoje entendemos como afro brasileiro, ou dança negra (de forma mais abrangente). A atividade contará com parte teórica, com contextualização da África, seus países e povos distintos, sua dimensão ritualística e valorização da oralidade; e também acontecerá de forma prática, com apreciação do toque do tambor, experimentação, uso do corpo e do espaço.

A oficina é voltada para bailarinos, artistas de maneira geral e pesquisadores de temas relacionados.

SOBRE O FACILITADOR

Rubéns Lopes é artista, professor e pesquisador em dança formado pelo Curso Técnico em Dança (CTD) do Porto Iracema das Artes. Foi bailarino de escolas e companhias de dança em Fortaleza e da Decidedly Jazz Danceworks (Calgary/Canadá). Atualmente é professor de Dança Moderna/Contemporânea na EDISCA, diretor da Cia Anagrama e também Graduando de Licenciatura em Dança na Universidade Federal do Ceará (UFC). Ele também compõe o corpo discente do CTD e coordena o programa de extensão em Danças Africanas Ancestrais no Instituto Federal do Ceará (IFCE). Sua pesquisa em dança abrange a Técnica de Graham, Safety Release, Gaga Technique e as corporeidades negras. Dentro do ativismo no Movimento Negro, pesquisa o gênero ragga/dancehall, o jazz roots e as danças ancestrais africanas. Rubéns é membro do Fórum de Dança do Ceará, da Juventude Negra Kalunga, do Coletivo CREWolos e do Núcleo de Estudos Afrobrasileiros e Indígenas – NEABI Fortaleza.

SERVIÇO

O que: Laboratório de Dança realiza oficina de Danças Africanas Ancestrais

Quando: Dias 13, 14, 17 e 18, das 18h às 20h

Onde: Sala de Dança do Porto Dragão (R. Boris, 90 – Praia de Iracema)

Inscrições por ordem de chegada no primeiro dia

GRATUITO

 

Assessoria de Comunicação Porto Iracema das Artes | Myke Guilherme

Publicado em: 30/11/2018