Gustavo Vinagre discute seu filme, “Lembro mais dos corvos”, na segunda sessão da Mostra Fabulações no Real

O longa será disponibilizado gratuitamente por meio de inscrição. Além do diretor, o debate também contará com participação da atriz Julia Katharine e da pesquisadora Kamilla Medeiros

Ao longo de uma madrugada, na sala de um pequeno apartamento em São Paulo, uma atriz transexual narra episódios de sua história. Esta é a base de “Lembro mais dos corvos” (2018), primeiro longa-metragem do diretor e roteirista Gustavo Vinagre. Ele será discutido na segunda sessão da Mostra Fabulações no real, do Cineclube Âncora, que acontecerá na próxima terça-feira (22), às 18h. O debate será transmitido pelo Facebook e Youtube do Porto Iracema das Artes e contará com participação do cineasta.

Misturando documentário, ficção e improviso, o filme apresenta um monólogo da atriz e co-roteirista, Julia Katharine, durante uma noite de insônia. Vencedor de prêmios como o Joris Ivens e o prêmio do júri jovem de melhor filme no Cinéma du Reel 2018, a obra foi exibida em diversos festivais no Brasil e no mundo. A narrativa se baseia nas histórias da própria atriz e em coisas que Gustavo imaginava sobre sua vida. Além do cineasta, o bate-papo também contará com a presença de Julia e da pesquisadora de cinema Kamilla Medeiros.

O evento será precedido pela disponibilização do filme a partir do próximo sábado, dia 19. Para assistir, basta fazer a solicitação do link por meio de um formulário disponível AQUI. Após a inscrição, verifique se recebeu a confirmação na caixa de entrada ou de SPAM do seu e-mail.

Criado em 2017 pelos alunos do Porto Iracema, Kamilla Medeiros e Arthur Gadelha, o Cineclube Âncora tem a proposta de ser uma extensão da experiência da sala de aula do Curso Básico de Audiovisual. A mostra “Fabulações no Real” teve início no dia 8 de setembro e seguirá com mais seis encontros quinzenais até o mês de dezembro.

Sobre o filme

LEMBRO MAIS DOS CORVOS
80′ / Brasil / 2018 / Híbrido

SINOPSE
Júlia conta histórias para atravessar uma noite de insônia.

DIREÇÃO
Gustavo Vinagre

ELENCO
Julia Katharine

Sobre a Mostra “Fabulações no real”

O Cineclube Âncora volta aos trabalhos neste período de quarentena com a Mostra “FABULAÇÕES NO REAL”. A ideia nasce da vontade de pesquisar sobre os limiares do cinema do real, vividos no real, seja pela ficção, seja pelo documentário ou pela mistura de ambos (ou mesmo a invenção de outros termos), seja como for, tais fabulações atuam neste território menos definido, entre o narrativo e o experimental, explorando novas formas estéticas e formais do cinema. Para isso, entre setembro e dezembro de 2020, teremos encontros quinzenais com convidadas e convidados especiais para nos guiarem nessas fabulações, desde o ponto de partida da direção, da montagem, da produção, da crítica de cinema, da pesquisa e por aí vai. O cinema brasileiro será nosso destaque, com filmes lançados do início dos anos 2000 para cá, então, esperemos por debates generosos num momento em que o Brasil carece tanto disso: fabular para pensar e sentir o real.

Sobre Gustavo Vinagre

É diretor e roteirista formado na EICTV – Escuela Internacional de Cine y Televisión de San Antonio de los Baños. Dirigiu filmes de destaque nacional e internacional como “Filme para Poeta Cego”, “La Llamada” e “Nova Dubai”. Em 2016 com o curta “Os Cuidados que se tem com o Cuidado que os Outros Devem ter Consigo Mesmos” foi indicado ao Grande Prêmio do Cinema Brasileiro. Em 2018 lança seu primeiro longa-metragem “Lembro Mais dos Corvos”, co-roteirizado com Julia Katherine, atriz que protagoniza o filme. Nesse mesmo ano participou da Mostra Fórum da Berlinale com o longa “A Rosa Azul de Novalis” e em 2020 repete o feito com o filme “Vil má”.

Sobre Julia Katharine

É diretora, roteirista e atriz. Sua estreia na direção acontece em 2018 com “Tea For Two”, vencedor do prêmio Guarani de melhor curta-metragem. Em parceria com o diretor Gustavo Vinagre trabalhou como atriz em três filmes: “Filme-catástrofe”; “Os cuidados que se tem com o cuidado que os outros devem ter consigo mesmo” e “Lembro mais dos Corvos”. Neste último, no qual foi também co-roteirista, sua participação lhe rendeu, em 2018, o Prêmio Helena Ignez por destacar o trabalho das mulheres no cinema brasileiro, entregue na Mostra de Cinema de Tiradentes. Em 2020, Julia receberá uma retrospectiva de sua obra na quinta edição do Santos Film Fest.

Sobre Kamilla Medeiros

Pesquisadora de cinema, realizadora e cineclubista. É formada em Comunicação pela Universidade Federal do Ceará e em Audiovisual pelo curso básico do Porto Iracema das Artes. Dirigiu o curta-metragem “Capitais” de 2018, premiado com o Candango de Melhor Filme no II FestUni durante o 51º Festival de Brasília. Atualmente se dedica aos estudos sobre documentário brasileiro e cinema de fabulação. Neste contexto da pandemia organizou e mediou sessões cineclubistas pela Vila das Artes com as participações especiais de Beth Formaggini, Consuelo Lins e Carlos Alberto Mattos.

Sobre a Escola

O Porto Iracema das Artes é a escola de formação e criação em artes do Governo do Estado do Ceará, ligada à Secretaria da Cultura do Estado do Ceará, sob gestão do Instituto Dragão do Mar (IDM). Criada em 29 de agosto de 2013, há sete anos desenvolve processos formativos nas áreas de Música, Dança, Artes Visuais, Cinema e Teatro, com a oferta de Cursos Básicos e Técnicos, além de Laboratórios de Criação. Todas as ações oferecidas são gratuitas.

Serviço

O quê: “Gustavo Vinagre discute seu filme, “Lembro mais dos corvos”, na segunda sessão do Cineclube Âncora”
Quando: 22 de setembro (terça-feira), às 18h
*O filme será disponibilizado previamente por meio de inscrição.
Onde acessar: Canal do Youtube e Facebook da Escola Porto Iracema das Artes

Assessoria de Comunicação | Rafaela Leite
Publicado em 15/09/2020