Grupo de trabalho sobre dramaturgia “O que quer e o que pode o corpo?” retorna a programação do Porto Iracema

Foto: Allan Sousa

A partir do dia 16 de outubro, às 19 horas, na sala de dança do Porto, os encontros do grupo de estudos “Dramaturgia: o que quer e o que pode o corpo?”, coordenado pela pesquisadora e doutora Thereza Rocha está de volta ao Porto Iracema. Com a iniciativa do Instituto de Cultura e Arte /UFC e do Laboratório de Teatro e Laboratório de Dança da Escola, o grupo retorna à agenda semanal, com os encontros do grupo de trabalho intitulado “Quintal: dança, pensamento, outras dramaturgias e regimes de dizibilidade”.

As pautas de discussão incluem estudos sobre temas relacionados às dramaturgias do corpo e também a mostra comentada de obras (prontas ou em andamento) dos participantes interessados. Os encontros são gratuitos e abertos a artistas e pesquisadores e acontecerão todas às terças-feiras, em diversos espaços do Porto Iracema.

Thereza Rocha
Pesquisadora de dança, diretora de espetáculos e dramaturgista de processos de criação. Doutora em Artes Cênicas pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO). Professora dos cursos de graduação em dança da Universidade Federal do Ceará. Coautora da instalação Máquina de Dançar, junto com Maria Alice Poppe, apresentada no SESC Pompeia (SP) em 2016, e do livro “Diálogo/Dança” (SENAC, 2012), ao lado de Marcia Tiburi. Autora do livro “O que é dança contemporânea?” (Conexões Criativas, 2016), contemplado nos editais Rumos Itaú Cultural e Prêmio Funarte de Dança Klauss Vianna.

 

SERVIÇO

O quê: Grupo de Dramaturgia “O que quer e o que pode o corpo?”

Quando: retorno no 16 de outubro, às 19h
(acontecerá todas as terça-feiras, às 19h)

Onde: Sala de Dança do Porto Iracema das Artes (Rua Dragão do Mar, 160 – Praia de Iracema)

Entrada Gratuita