Arquelano, do Lab Música 2018, lança singles e curta na próxima sexta-feira

Foto: Eduardo Barbosa

Produções musicais e audiovisual estarão disponíveis em todas as plataformas digitais a partir do dia 29

O projeto de música eletrônica experimental Arquelano lançará dois singles e um curta-metragem a partir da próxima sexta-feira, dia 29 de março. As produções musicais “Ponto” e “Estava” serão divulgadas como amostra do primeiro EP de Arquelano, intitulado Ponto, que será lançado no dia 12 de abril. Acompanha as produções musicais um curta-metragem, que reúne os clipes das duas músicas, dirigido de forma colaborativa pelo realizador e multiartista Darwin Marinho. As músicas estarão em todas as plataformas digitais via Tratore.

Os singles nascem a partir do processo de tutoria com a cantora, instrumentista e produtora musical Mahmundi, no Laboratório de Música do Porto Iracema das Artes no ano de 2018. O projeto explorou as vertentes da música eletrônica experimental partindo da poética da vivência de Benjamin Arquelano, que encabeça a proposta e se afirma enquanto jovem negro, LGBTQ e que diariamente realiza o percurso entre as cidades de Maracanaú e de Fortaleza, vivenciando diversas e opostas realidades. O trabalho teve como artistas-colaboradores a cantora e compositora Emilia Schramm e o guitarrista Théo Fonseca.

Capa do EP “Ponto”

O conceito por trás do EP Ponto parte de uma metáfora extraída de elementos visuais, como o ponto e a linha. Tomando o ponto como o início e fim de tudo, de onde surgem todas as outras formas e que marca o fim das coisas, a dualidade desse elemento é explorada nas composições do cantor. O ponto também representa o minimalismo deste projeto, que tem a simplicidade como complexidade. Dentre os vários significados utilizados em sua obra, o ponto é ainda o início da sua carreira, que um dia se transformará em linha e imagem.

Sobre o projeto Arquelano
Arquelano é um projeto concebido pelo estudante de políticas públicas, cantor, compositor e produtor musical Benjamin Arquelano, com contribuições de Théo Fonseca nas guitarras e Emília Schramm nos arranjos vocais e composições. Em 2018, foi um dos selecionados para participar do Laboratório de Música do Porto Iracema das Artes com o projeto “Arquelano: ainda sou ponto”, com tutoria da cantora, produtora musical, compositora e instrumentista Mahmundi.

Acompanhe o projeto pelas redes sociais:

Facebook: https://www.facebook.com/Arquelano/

Instagram: https://www.instagram.com/arquelano/

Soundcloud: https://soundcloud.com/arquelano

SERVIÇO
O quê: Projeto Arquelano, participante do Laboratório de Música 2018, lança singles e videoclipe na sexta-feira
Quando: Sexta-feira, dia 29 de março
Onde: em todas as plataformas digitais

 

Assessoria de Comunicação Porto Iracema das Artes | Lucas Casemiro