A CIDADE COMO DRAMATURGIA: UMA EXPERIÊNCIA DE ATUAÇÃO NA RUA

RESUMO: O projeto de criação e formação artística parte dos conceitos “a cidade como dramaturgia” e de “teatro ambiental” para propor uma experimentação de procedimentos de interpretação teatral na rua, partindo da experiência dos atores em um ambiente público da cidade de Fortaleza. Para tanto, pretende realizar experiências de atuação a partir de estados com práticas do site specific. Teremos laboratórios para experimentar práticas de criação relacionadas com a ideia de uma interpretação por estados.

TutorAndré Carreira é graduado em Artes Visuais pela UnB (1984) e doutorado pela Universidad de Buenos Aires (1994). Professor do programa de Pós Graduação em Teatro (UDESC) e coordenador nacional do Mestrado Profissional em Artes (PROF-ARTES). Foi presidente da ABRACE (2003-2004). Dirige os grupos Experiência Subterrânea (Florianópolis) e Teatro que Roda (Goiânia). Carreira é autor dos livros Teatro Callejero (Ed. Nueva Generación / Buenos Aires), Práticas de Produção Teatral (Ed. UDESC); Teatro de Rua: Uma Paixão no Asfalto (HUCITEC); Meyerhold: Experimentalismo e Vanguarda (E-Papers); Estados: relatos de um processo de pesquisa sobre interpretação teatral (Ed. UDESC). Em 2011, André Carreira realizou pós-doutorado com Richard Schechner na New York University (2011).

Realizadores: Vanéssia Gomes dos Santos, Antônio Clodomir de Alcântara Costa e Vera Lúcia Santos de Araújo, integrantes do Grupo Teatro de Caretas.